Logotipo Federação Varejista do RS e SPC Brasil

Insegurança jurídica é pauta de encontro da Federação Varejista do Rio Grande do Sul na capital federal

Tema foi abordado em conversa do presidente da Federação Varejista do Rio Grande do Sul, Ivonei Pioner com o senador Sergio Moro

Medidas recentes como a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) propondo o fim ao trânsito em julgado em matérias tributárias trouxeram preocupação para os empresários do segmento de comércio e serviços. A insegurança jurídica preocupa empresários porque pode afetar negativamente a estabilidade e a previsibilidade do ambiente de negócios.

O tema foi abordado em conversa de líderes do movimento lojista com o senador da República pelo estado do Paraná, Sergio Moro, jurista, ex-magistrado e professor universitário.

“Há várias inseguranças jurídicas que estão sendo criadas ou que estão em pauta de forma preocupante. Saímos satisfeitos da conversa, pois ouvimos como o Senador Sergio Moro pretende trabalhar esses temas. Parabenizamos pela retomada do trabalho sobre a prisão em segunda instância. Entendemos que o poder judiciário não pode extrapolar sua área de competência e falamos bastante na importância de combater a corrupção e criar mecanismos que punam os crimes de fato”, comentou o presidente da Federação Varejista do Rio Grande do Sul, Ivonei Pioner.

O encontro foi realizado na sexta-feira (17/03). Além do presidente da Federação Varejista do Rio Grande do Sul, Ivonei Pioner, participaram da conversa os presidentes de outras entidades regionais: José Lopes Neto (Netinho) da FCDL da Paraíba, Samoel Antônio de Mattos Júnior da FCDL do Paraná e Valdir Ribeiro da Silva da FCDL de Goiás.

Redação e coordenação: Marcelo Matusiak

Assine nossa newsletter.

Receba estas notícias diretamente no seu e-mail.

Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Você receberá um e-mail de confirmação.
Ao assinar a newsletter, você receberá um e-mail para confirmar o desejo de receber as notícias do movimento lojista.

Leia também...