Logotipo Federação Varejista do RS e SPC Brasil

Dia das Crianças deverá ter aumento de 14% nas vendas no comércio de Caxias do Sul

O Dia das Crianças deste ano deverá ser digno de comemoração para o comércio caxiense. Mesmo com uma redução na intenção de compras de -4,6%, o aumento de 19,5% tíquete médio pode fazer com que o volume de vendas tenha um incremento de 14% em comparação com o ano passado.

O Dia das Crianças deste ano deverá ser digno de comemoração para o comércio caxiense. Mesmo com uma redução na intenção de compras de -4,6%, o aumento de 19,5% tíquete médio pode fazer com que o volume de vendas tenha um incremento de 14% em comparação com o ano passado. Além disso, 45,5% dos entrevistados disseram estar dispostos a gastar mais no mimo para os pequenos neste ano.

A pesquisa de intenção de compras do Núcleo de Informações da CDL Caxias do Sul apurou que cada entrevistado deverá gastar R$ 259,66, enquanto que em 2021 o valor médio era de R$ 217,29 e ainda mais baixo em 2020, ficando em R$ 198,11.

Os brinquedos seguem como os preferidos, sendo apontados por 58,5% dos consumidores, seguidos por roupas e calçados (27,9%), e eletrônicos e games (6,4%). Os dados vão ao encontro de outra informação diagnosticada, já que 53,8% das pessoas afirmaram que acabam comprando o que as crianças pedem.

“Os números indicam um Dia das Crianças positivo para o varejo, com os consumidores mais confiantes para comprar produtos de maior valor agregado. Entre os entrevistados, 40,9% manifestaram o desejo de, além da compra do presente, comemorar de outras formas. Entre eles, 40,5% planejam fazer um almoço especial em família e 38,7% estão dispostos a levar as crianças para um passeio. São números que merecem destaque porque mostram que aquele cenário de restrições por causa da pandemia foi superado”, atesta Carlos Alberto Cervieri, gerente Administrativo Financeiro da CDL Caxias do Sul.

O dirigente chama a atenção para o aumento de 76% no número de pessoas que deverá adquirir os presentes em lojas dos shoppings, que foram apontadas por 28% dos consumidores como o local de compra para a data. Os empreendimentos de rua da área central, mesmo com queda em relação ao ano passado, seguem como os mais mencionados (53,2%), enquanto que os comércios de bairros passaram de 4,9% no ano anterior para 11,4% da preferência quanto ao local de compra.

“A pesquisa anterior, do Dia dos Pais, já mostrava essa tendência de crescimento tanto nas lojas dos shoppings como nos empreendimentos localizados nos bairros. Isso demonstra que o consumidor busca cada vez a facilidade e praticidade no momento da compra, driblando problemas como estacionamento, comércio de ambulantes nas calçadas e a própria segurança”, elenca.

Colegas e propagandas influenciam na escolha

Se a propaganda é a alma do negócio, imagina somada à influência dos colegas? O resultado é que 75% dos entrevistados relataram que seus filhos, sobrinhos ou demais crianças que irão presentear disseram ter visto os presentes desejados em anúncios. Entre eles, 27,3% sofreram influência de colegas e mais da metade da TV (25,4%) e do YouTube (24,8%).

Mas nem tudo é marketing e propaganda no estudo. O amor pelos pequenos foi apontado por 56,5% dos entrevistados como decisivo na hora da compra. Esses sentimentos influenciam no momento de adquirir os presentes, fazendo com que 42,1% gastem mais e outros 32,9% optem por itens que surpreendam as crianças.

“O Dia das Crianças mobiliza alguns segmentos específicos do comércio, especialmente de brinquedos, mas a pesquisa confirma o que estamos observando no dia a dia. O varejo local está retomando o crescimento nos dados acumulados e devermos fechar o segundo semestre de uma forma bastante positiva”, projeta Cervieri.

A Pesquisa de Intenção de Compras da CDL Caxias do Sul foi realizada com 770 moradores de diferentes pontos da cidade, entre os dias 22 e 24 de setembro. O levantamento tem índice de confiança de 95% e margem de erro de 5% para mais ou para menos.

Redação: Assessoria de Comunicação CDL Caxias do Sul
Edição e coordenação: Marcelo Matusiak

Leia também...